Assojepar
Notícias
08/03/2019

DIA INTERNACIONAL DA MULHER

Na década de 1970 a ONU reconheceu e
passou adotar o dia 08 de março como o Dia Internacional da Mulher, com o
objetivo de lembrar as conquistas políticas, sociais e econômicas das mulheres
de todo o mundo, independente de etnia, língua, cultura, etc.,

Entretanto, esta data é comemorada
e lembrada desde 1910, onde numa Conferência ficou decidido que o dia 08 de
março seria o ?Dia Internacional da Mulher? em homenagem as suas lutas por
redução da jornada de trabalho, direito à licença-maternidade, fim do trabalho
infantil e direito ao voto, dentre outros. Direitos estes conquistados após
muitas lutas e ocorrência de mortes de mulheres em inúmeros países.

A ideia de comemorar a data é
para realizar discussões, debates e conferências para refletir sobre o papel
das mulheres na sociedade atual, em busca de acabar com a violência, o
preconceito, a desvalorização salarial e profissional sofrida pelas mesmas.

É na diminuição ou erradicação da
violência sofrida pelas mulheres que o Oficial de Justiça tem um papel fundamental,
tendo em vista sua atuação no cumprimento e materialização da decisão judicial
para afastar o agressor das suas proximidades.

 É o Oficial de Justiça quem cumpre as medidas
protetivas não só citando e intimando, mas, principalmente, afastando e
separando o agressor da vítima. Na grande maioria dos casos faz este trabalho
sozinho, solicita o auxílio policial nos casos de maior complexidade, onde
todos os esforços foram utilizados e não obtido êxito para a pacificação
social. 

Com o seu papel de pacificador
social, o Oficial de Justiça utiliza diversas áreas das ciências humanas
(direito, psicologia, assistente social) no sentido de retirar o agressor das
proximidades da vítima de forma célere, contundente e com o menor trauma
possível para as partes envolvidas e terceiros (ex.: pais, filhos, etc.).

Assim, os Oficiais de Justiça do
Paraná PRESTAM HOMENAGENS E PARABENIZAM AS MULHERES PELO SEU DIA, ao mesmo
tempo se solidarizam em razão do grande número de medidas protetivas, diga-se,
violência praticada que não para de aumentar em pleno século XXI. PELO FIM DA VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES!!!

 

ASSOJEPAR

 

 























 

Leia mais notícias


Cadastre-se e receba nosso informativo